.

.

segunda-feira, junho 26, 2017

Boa noite Cometando...







Saber esperar...



Tantas vezes queres que tudo aconteça, já, neste segundo...

E quando os dias passam e algo te acontece, agradeces pelo tempo dado, pela espera ansiosa, pela alegria agora tão presente.

Esperar requer boa vontade, compreensão e discernimento.

Enquanto esperas, não entres em confusão...

Faze dos teus dias, dias de sol.

Faze das tuas noites, noites de luas e estrelas.

Para que por eles tu atravesses em celebração, em doçura, em devoção.

Sem ser tocado pelo medo, sem ser escondido pela escuridão, sem ser engolido pela fome da ilusão.

Não te enganes achando que somente tu é quem dará as tuas próprias direções.

Há livre arbítrio, mas há cursos que deverás incorrer sem ao menos saberes o porquê.

Nestes tempos, tranqüiliza, pois teu coração reconhece e vive intensamente o que a luz deixa derramar sobre ti sem a tua devida consciência.

Tudo porque ainda não sabes o que é melhor para ti.

Tudo porque ainda tens dúvidas quanto ao teu valor, a estrela que reluz dentro de ti.

Tua existência é rodeada de cuidados, de proteção e de amor.

Tua existência é sagrada, portanto, vive o que te é dado viver.

Quando tua vida parecer parar em algum ponto do tempo, lembra-te que esperar é ser confiante, e ser confiante reflete aquele que nunca se esquece de tecer a sua própria rede.

Espera com teu coração e tua mente saberá o silêncio descansando em paciência.

(Desc.autor)




Sol Hoffmann

Boa Noite


Deixando meu carinho


domingo, junho 25, 2017

Boa tarde Comentando...










A Urgência de viver


" O que você fez hoje é muito importante,
porque você está trocando um dia de sua vida por isso."


Esperamos demais para fazer o que precisa ser feito,
num mundo que só nos dá um dia de cada vez,
sem nenhuma garantia do amanhã.
Enquanto lamentamos que a vida é curta,
agimos como se tivéssemos à nossa disposição,
um estoque inesgotável de tempo.

Esperamos demais para dizer as palavras de perdão
que devem ser ditas, para deixar de lado os rancores
que devem ser expulsos, para expressar gratidão,
para dar ânimo, para oferecer consolo.

Esperamos demais para ser generosos,
deixando que a demora diminua a alegria de dar espontaneamente.

Esperamos demais para ser pais de nossos filhos pequenos, esquecendo quão curto é o tempo em que eles são pequenos, quão depressa a vida
os faz crescer e ir embora.

Esperamos demais para dar carinho aos nossos pais, irmãos e amigos.
Quem sabe, quão logo será tarde demais?

Esperamos demais para ler os livros, ouvir as músicas, ver os quadros que estão esperando para alargar nossa mente, enriquecer nosso espírito e expandir nossa alma.


Esperamos demais para enunciar as preces que estão esperando para atravessar nossos lábios, para executar as tarefas que estão esperando para serem cumpridas, para demonstrar o amor, que talvez não seja mais necessário amanhã.

Esperamos demais nos bastidores, quando a vida tem um papel para desempenhar no palco.
Deus também está esperando nós pararmos de esperar. Esperando que comecemos a fazer agora, tudo aquilo para o qual este dia e esta vida nos foram dados.

É hora de VIVER!!! 

(Henry Sobel)



Sol Hoffmann

sábado, junho 24, 2017

Sou forte. Meio doce e meio ácida.


Sou forte. Meio doce e meio ácida. 

Em alguns dias acho que sou fraca. E boba. 

Preciso de um lugar onde enfiar a cara pra esconder as lágrimas. 

Aí penso que não sou tão forte assim e começo a olhar pra mim. 

Sou forte sim, mas também choro. 

Sou gente. 

Sou humana. 

Sou manhosa. 

Sou assim. 

Quero que as coisas aconteçam já, logo, de uma vez. 

Quero que meus erros não me impeçam de continuar olhando para a frente. 

E quero continuar errando, pois jamais serei perfeita (ainda bem!). 

Tampouco quero ser comum e normal. 

Quero ser simplesmente eu. 

Quero rir, sorrir e chorar. 

Sentir friozinho na barriga, nó no peito, tremedeira nas pernas. 

Sentir que as coisas funcionam e que tenho que trocar de jeito quando insisto em algo que não dá resultado. 

Quero aprender e, ainda assim, continuar criança. 

Ficar no sol e sentir o vento gelado no nariz. 

Quero sentir cheiro de grama cortada e café passado. 

Cheiro de chuva, de flor, cheiro de vida. 

Aprecio as coisas simples e quero continuar descomplicando o que parece complicado. 

Se der pra resolver, vamos lá! Se não dá, deixa pra lá. 

A vida não é complicada e nem difícil, tudo depende de como a gente encara e se impõe. 

Quero ser eu, com minha cara azeda e absurdamente açucarada. 

Não quero saber tudo e nem ser racional. 

Quero continuar mantendo o meu cérebro no lugar onde ele se encontra: meu coração. 

E essa é a melhor parte de mim.

Clarissa Corrêa

sexta-feira, junho 23, 2017

Boa noite Comentando...







A procura do amor


Ensaia um sorriso
e oferece-o a quem não teve nenhum.

Agarra um raio de sol
e desprende-o onde houver noite.

Descobre uma nascente
e nela limpa quem vive na lama.

Toma uma lágrima
e pousa-a em quem nunca chorou.

Ganha coragem
e dá-a a quem não sabe lutar.

Inventa a vida
e conta-a a quem nada compreende.

Enche-te de esperança
e vive á sua luz.

Enriquece-te de bondade
e oferece-a a quem não sabe dar.

Vive com amor
e fá-lo conhecer ao Mundo.

(Mahatma Gandhi)



Sol Hoffmann

quinta-feira, junho 22, 2017

Boa Noite


Deixando meu carinho


Eu proponho...



"Eu proponho uma campanha de saúde pública: vamos ser mais bem humorados, mais desarmados.

Podemos ser cidadãos sérios e respeitáveis e, ao mesmo tempo, leves.

Basta agir com delicadeza soltura, autenticidade, sem obediência cega às convenções, aos padrões, aos patrões.

Um pouco mais de jogo de cintura, de criatividade, de respeito às escolhas alheias.

Vamos deixar para sofrer pelo que é realmente trágico, e não por aquilo que é apenas incômodo, senão fica impraticável atravessar os dias."

Martha Medeiros

Você também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...